sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

Daniel, no Porto

O Daniel aproveita a hora de almoço para ler e, hoje, aceitou pousar para o Acordo Fotográfico. Neste momento tem em mãos "O Arranca Corações", de Boris Vian. O livro, que lhe foi emprestado por uma colega de trabalho, é uma edição da Ed. Estampa de 1970. Sabem aquele cheiro acre dos livros velhinhos? Foi esse odor único que o Daniel levou consigo, quando desceu a Rua da Restauração para voltar ao trabalho.

3 comentários:

Saber Amar disse...

Um livro fantástico mas duro como uma pedra...

sof* disse...

;)))
gostei!

Inês disse...

:)