sexta-feira, 16 de março de 2012

Andreia & Adelaide


Na manhã do domingo passado o Parque da Cidade, no Porto, estava repleto de gente. Gente que caminhava, corria, andava de bicicleta, jogava à bola, fazia yoga, preguiçava ao sol e, claro, gente que lia. A Andreia escolheu um local perfeito para estar a sós com o seu livro, ali onde se desenha um pequeno vale relvado, delimitado por um lago cheio de patos. Diz que há uns quatro anos que queria ler "Doida Não e Não!", depois de ter ouvido a autora, Manuela Gonzaga, falar sobre o livro na televisão. Quando lhe propus a fotografia ia sensivelmente a meio da história verídica de Maria Adelaide, uma mulher rebelde e corajosa que viveu à frente do seu tempo. Tinha comprado o livro havia apenas dois dias e não conseguia largá-lo, sobretudo por estar entusiasmada com um pormenor que desconhecia: a protagonista, Maria Adelaide, viveu e foi enterrada em Ramalde, curiosamente a terra da Andreia. 

3 comentários:

Vespinha disse...

Todos os dias, quando aqui venho de manhã antes de ir trabalhar, suspiro por não poder logo a seguir pegar num livro...

Lídia disse...

Que linda fotografia!
:)

francisco carvalho disse...

Muitos parabéns pelo blogue!
Mas que bela ideia.
Fiquei fã. Vou adicioná-lo.